Fundação Cultural Cassiano Ricardo

 

Parte do acervo do Museu de Arte Sacra de São José dos Campos vai ficar exposto no Espaço Mário Covas (Praça Afonso Pena, 29 – Centro) durante a reforma da Capela Nossa Senhora da Conceição Aparecida. A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h e a entrada é gratuita.

O agendamento de visitas para grupos ao Espaço Mário Covas e sua exposição de arte sacra pode ser realizado pelo telefone 3921-7587 em horário comercial.

O Museu de Arte Sacra de São José dos Campos foi inaugurado no dia 17 de dezembro de 2007 na Capela Nossa Senhora Aparecida. O acervo é composto por imagens, paramentos, objetos litúrgicos, oratórios, livros religiosos, bandeiras de procissão, entre várias outras peças datadas do século XVIII ao XX e confeccionadas por artistas e artesões anônimos do Vale do Paraíba e região.

Revitalização – desde o início de outubro, a Capela Nossa Senhora da Conceição Aparecida (Travessa Chico Luiz, 67 – Centro), sede do Museu de Arte Sacra de São José dos Campos, está sendo revitalizada com verba do Fundo Municipal de Proteção ao Patrimônio Cultural (Fumphac).

Construída por volta de 1908, a Capela Nossa Senhora Aparecida foi usada como oratório particular da família Cursino e também serviu a comunidade, onde foram realizadas festas, terços, reuniões e aulas de catecismo.

A capela tornou-se um prédio preservado por lei em meados dos anos 80 e em 1997 passou a ser uma propriedade pública, sob a responsabilidade da Prefeitura Municipal de São José dos Campos.

O Fundo Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Artístico, Paisagístico e Cultural (Fumphac) é destinado a custear a aquisição, conservação, preservação e restauração dos bens móveis e imóveis, públicos ou privados que são patrimônios do Comphac.

Programação



 

Links