Fundação Cultural Cassiano Ricardo

Espetáculo do Coro Jovem realizado no Teatro Municipal, em muitas das suas apresentações em 2019 / Foto: Paulo Amaral

Interessados em participar da seleção para o Coro Jovem Sinfônico de São José dos Campos já podem se inscrever pelo site da Fundação Cultural Cassiano Ricardo, por meio de formulário próprio. As inscrições são gratuitas e vão até o dia 2 de fevereiro. As regras do processo podem ser conferidas no edital, também disponível no site.

O Coro Jovem integra o Programa de Formação Artística da Fundação Cultural e é destinado a jovens a partir de 12 anos. Seu objetivo é capacitar coristas e criar oportunidade de educação musical e profissionalização artística. As vagas disponibilizadas estão divididas em quatro núcleos e são destinadas a pessoas com ou sem experiência na área artística.

O processo de seleção dos candidatos inscritos será realizado no Centro Cultural Clemente Gomes, nos dias 7 (núcleos preparatório e iniciante) e 8 de fevereiro (avançado e semiprofissional). A classificação da seleção será divulgada no dia 11 de fevereiro e o resultado final (homologação) no dia 2 de março, ambos pelo site da Fundação Cultural.

Núcleos

O núcleo preparatório tem 60 vagas disponíveis e se destina a jovens de 12 a 18 anos, sem conhecimento e experiência anterior. O tempo máximo de permanência neste núcleo é de quatro anos e os coristas que completarem 16 anos, e estiverem aptos, poderão passar para o núcleo iniciante, caso sejam aprovados em audição.

Segundo explica a Fundação Cultural, o núcleo preparatório cumpre uma diretriz de descentralização dos projetos de formação artística, antes realizados apenas na sede da instituição, levando as atividades para as casas de cultura, onde a população já tem acesso à cultura e sua experimentação por meio das oficinas culturais. 

Neste caso, os aprovados para este núcleo poderão escolher um destes locais para frequentar as atividades: Casa de Cultura Eugênia da Silva (Parque Novo Horizonte), Casa de Cultura Lili Figureira (Jardim Santo Onofre) e Casa de Cultura Chico Triste (Vila Tesouro). Os integrantes dos demais núcleos realizarão suas atividades no Centro Cultural Clemente Gomes.

Para o núcleo iniciante, voltado a jovens de 16 a 26 anos, estão sendo oferecidas até 48 vagas e também não há exigência de conhecimento e experiência anterior. O tempo máximo de permanência do corista, neste núcleo, é de quatro anos e os que estiverem aptos poderão ingressar no núcleo avançado, se aprovados na audição. Cada integrante receberá uma bolsa de estímulo artístico no valor de R$ 140,00.

Experiência

No núcleo avançado são 18 vagas para jovens com idade entre 16 e 30 anos, que tenham conhecimento musical e experiência anterior na prática coral. O tempo máximo de permanência no grupo também é de quatro anos e os integrantes que completarem 18 anos e estiverem aptos poderão ir para o núcleo semiprofissional, se aprovados na audição. Para cada um será oferecida uma bolsa auxílio de estímulo artístico de R$ 220,00.

O núcleo semiprofissional reunirá jovens com idade a partir de 18 anos e com conhecimento musical e experiência anterior na prática coral. São oferecidas 24 vagas e uma bolsa auxílio de estímulo artístico de R$ 560,00. O integrante poderá fazer parte do núcleo até completar 35 anos. Em contrapartida, os coristas deverão desenvolver atividades práticas (como concertos didáticos) nas casas de cultura e nos locais com quem a Fundação Cultural mantém parcerias para atividades.

Avaliações e frequência

Para se manter no coro, todos os integrantes serão submetidos a audições internas periódicas, visando avaliar o desempenho individual e coletivo. Notas menores que 6 poderão resultar no desligamento do corista. A frequência é obrigatória e a ausência consecutiva ou não, em até três atividades, sem justificativa e autorização prévia da coordenação, também poderá resultar em desligamento.

Além disso, a desistência injustificada, o desligamento por faltas ou problemas disciplinares, poderão culminar na aplicação de penalidade ao responsável, que deverá ressarcir à Fundação Cultural o valor investido, por não cumprir o objetivo proposto.

 

Fundação Cultural Cassiano Ricardo
Av. Olivo Gomes, 100 – Santana (Parque da Cidade)

(12) 3924-7328

 

Publicado em: 07/01/2020

Programação


 

Links