Fundação Cultural Cassiano Ricardo

"Parece Comigo" é um dos filmes do mês de novembro / Foto: Divulgação

Neste mês de novembro, a Mostra Temática, realizada na Casa de Cultura Flávio Craveiro, região sul da cidade, conta com cinco filmes sobre a identidade negra. Com assuntos como conflitos históricos, representação, amarras econômicas, sociais e políticas, os filmes prometem trazer à tona a resistência negra contra o racismo.

A programação é resultado de uma parceria entre a Fundação Cultural Cassiano Ricardo (FCCR) e o Museu da Imagem e do Som, por meio do Programa Ponto MIS. A mostra acontece todas as terças, às 19h.

Programação

Dia 5, 19h: “Djon África”
Brasil. 2018. Direção: Filipa Reis, João Miller Guerra. 96 min. Drama. 12 anos.

Djon África, descobre que a genética pode ser cruel quando sua fisionomia – bem como alguns de seus fortes traços de personalidade – o denunciam imediatamente como o filho de seu pai, alguém que ele nunca conheceu. Esta descoberta intrigante leva-o a tentar descobrir quem é este homem.

 

Dia 12, 19h: “Temporada”
Brasil. 2018. Direção: André Novais Oliveira. 113 min. Drama. 12 anos.

Juliana está se mudando de Itaúna, no interior do estado mineiro, para a periferia de Contagem (MG), na região metropolitana de Belo Horizonte (MG), para trabalhar no combate às endemias na região. Em seu novo trabalho, ela conhece pessoas e vive situações pouco usuais que começam a mudar sua vida.

 

Dia 19, 19h: “Besouro”
Brasil. 2009. Direção: Miguel Lunardi,Chris Vianna, Adriana Alves. 94 min. Ação. 14 anos

Besouro era o sobrenome do reconhecido capoeirista Manuel Henrique Pereira. Ele é um guerreiro que luta a favor dos direitos dos negros. O filme conta a história deste órfão que se transformou num dos grandes mestres da capoeira.

 

Dia 26, 19h: “Parece Comigo”
Brasil. 2016. Direção: Kelly Cristina Spinelli. 26 min. Documentário. Livre.

“Meninas negras não brincam com bonecas pretas”, diz a letra do rap de Preta Rara, uma das personagens de Parece Comigo. O documentário explora o problema da falta de bonecas negras no mercado brasileiro e mostra o trabalho das bonequeiras que tentam mudar esse cenário, enfrentando a gigante indústria de brinquedos por meio de seu artesanato consciente.

 

Dia 26, 19h30: “Uma Escolha”
Brasil. 2016. Direção: May Taherzadeh. 30 min. Ficção. Livre.

Em uma vila rural no coração da África, um adolescente tem um sonho: tirar ele e sua irmã mais nova da pobreza. Mas quando uma mudança do destino quebra suas esperanças e tudo parece perdido, ele é confrontado com a escolha final.

 

Casa de Cultura Flávio Craveiro
Av. Lênin 200 – Dom Pedro I

(12) 3966-1136

 

Publicado em: 05/11/2019

Programação


 

Links