Arte: Divulgação

Dos 30 projetos culturais inscritos para concorrer aos benefícios da Lei de Incentivos Fiscais (LIF) em 2019, 15 foram aprovados pela Fundação Cultural Cassiano Ricardo. O resultado final, com nomes dos projetos e áreas atendidas dos proponentes foi publicado nesta sexta-feira (10) no site da instituição.

Os projetos aprovados são das áreas de artes cênicas, multilinguagem, literatura, literatura e teatro, dança, patrimônio, dança e música, música e literatura, artes integradas, circo e música. 

Os próximos passos do processo são análise de documentação dos proponentes e liberação para captação de recursos junto à iniciativa privada, o que deve ocorrer ainda neste mês.

Aplicar até 100%

De acordo com a LIF atual, o incentivador cultural pode ser pessoa física ou jurídica, que terá oportunidade de aplicar até 100% do IPTU ou ISS devido, em quantos projetos desejar, oferecendo como contrapartida 20% do valor do incentivo.

Caso um dos proponentes tenha executado, em 2018, projeto cultural por meio de outras leis de incentivo fiscal (estadual ou federal), o incentivador interessado em seu projeto ficará isento dessa contrapartida. 

Encontro

Para estimular o incentivo cultural aos projetos aprovados, a Fundação Cultural pretende promover um encontro, ainda sem data definida, entre os proponentes dos projetos aprovados e possíveis incentivadores culturais. Na oportunidade, a instituição dará detalhes da LIF e criará oportunidade para que cada proponente apresente o seu projeto.

Independente do encontro, após a divulgação do resultado da LIF, pessoas físicas ou jurídicas, interessadas em incentivar um dos projetos aprovados, podem fazer contato com a Fundação Cultural pelos telefones 3924-7338 ou 3924-7392. 

Fundação Cultural Cassiano Ricardo
Av. Olivo Gomes, 100 – Parque da Cidade – Santana

(12) 3924-7300

Publicado em 10/05/2019